Documentos para acionar o seguro

O Seguro Fiança deve ser acionado pelo corretor de seguros. Clique aqui, para saber como realizar o envio.

Documentos básicos necessários para o registro do sinistro de imóvel ocupado ou desocupado:

Documentos necessários para análise do sinistro com imóvel ocupado:

  • Contrato de locação devidamente assinado;
  • Boletos dos alugueis vencidos e não pagos;
  • Espelho do IPTU com endereço e valor das parcelas (se houver reclamação);
  • Boleto dos condomínios não pagos – constando rateio e valores discriminados das verbas ordinárias/extraordinárias – (se houver reclamação);
  • Contrato/procuração de administração ao favorecido;
  • Procuração AD JUDICIA;
  • Comprovante bancário do favorecido (quando for primeira indenização para ele ou no caso de alteração de dados bancários).

Documentos necessários para análise do sinistro com imóvel desocupado:

  • Contrato de locação devidamente assinado;
  • Boletos dos alugueis vencidos e não pagos;
  • Espelho do IPTU com endereço e valor das parcelas (se houver reclamação);
  • Boleto dos condomínios não pagos – constando rateio e valores discriminados das verbas ordinárias/extraordinárias – (se houver reclamação);
  • Contrato/procuração de administração ao favorecido;
  • Comprovante bancário do favorecido (quando for primeira indenização para ele ou no caso de alteraçãode dados bancários);
  • Termo de entrega de chaves assinado pelo Segurado ou seu representante legal e pelo Garantido – (na ausência do garantido, necessário incluir duas testemunhas qualificadas com nome legível, CPF, RG e endereço);
  • Boleto de multa rescisória (se houver reclamação);
  • Contas de consumo pendentes (se houver reclamação);
  • Laudo de vistoria inicial assinado pelo Segurado ou representante legal e pelo Garantido (se houver
    reclamação de Danos e/ou Pintura);
  • Laudo de vistoria final assinado pelo Segurado ou seu representante legal e pelo Garantido – (na ausência do garantido, necessário incluir duas testemunhas qualificadas com nome legível, CPF, RG e endereço) – (se houver reclamação de Danos e/ou Pintura);
  • Orçamento detalhado dos prejuízos, devendo constar valores discriminados por cobertura (Danos/Pintura Interna/Pintura Externa), separando material e mão de obra por item a ser reparado, além dos dados do orçamentista (nome, telefone, endereço, e-mail) – (se houver reclamação de Danos e/ou Pintura);
  • Metragem do imóvel (se houver reclamação de Pintura).
Essa informação foi útil?

Todos os artigos