Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Digite algo para buscar
por Deborah Angelini 13 set 2021 - 4 Min. de Leitura

Está preparado para realizar o sonho da casa própria? Pois saiba que ao realizar um financiamento imobiliário, é obrigatório por lei contratar um Seguro Habitacional pois é uma garantia de que o imóvel ficará com você e a sua família caso algum imprevisto aconteça.

Isso porque ele pode quitar o que sobrou do financiamento ao banco em situações de Morte ou Invalidez Permanente (MIP). Daí, você e a sua família não perderão o imóvel.

Tem mais leitura por aqui: o que é amortização de financiamento imobiliário?

Apesar de ser obrigatório, é você quem escolhe qual seguradora oferece as melhores condições de pagamento e benefícios para fechar um contrato. Veja todos os detalhes e saiba como funciona o Seguro Habitacional!

Na Too Seguros, o seguro também possui outra cobertura: a de Danos Físicos ao Imóvel (também conhecida como DFI), é ela que vai garantir a indenização e reparos por danos ao imóvel decorrentes de eventos de causa natural.

Mas esse seguro vai deixar o financiamento imobiliário mais caro?

O seguro Habitacional incide um percentual no financiamento imobiliário com o banco, mas ele é uma garantia a mais para a sua casa nova.

Quer saber um segredo que ninguém te conta? Experimente fazer simulações online em sites de bancos e outras instituições, como o simulador Caixa, simulador BRB e Simulador Habitacional ou peça ao seu corretor de imóveis para incluir a Too Seguros. É nessa simulação que você consegue saber o valor total do financiamento, o das prestações e entender quanto deve dispor para financiar o imóvel e quanto deverá ser a entrada

Quanto menor for o valor do percentual do seguro, mais dinheiro você consegue pegar como empréstimo e assim dar uma entrada maior no financiamento. Com isso, o valor das prestações também fica mais barato e impacta menos na sua renda. E é assim que você financia um imóvel pagando menos por ele!

Caixa reduz a taxa de Juros

Já está válida a medida divulgada semana passada pela Caixa, que reduz o juros para financiamentos habitacional. Para a modalidade Poupança, o percentual cai 0,15 – ou seja -, o cálculo passa a ser 2,80% ao ano somada à remuneração.

Na ponta do lápis, para quem optar pela poupança para financiar um imóvel, a taxa que a caixa reduz fica, em condições atuais: 2,80% + 6,17% (rendimento da poupança atual), o que dá – aproximadamente – 9% ao ano que incidirá sobre o valor do imóvel financiado.

Como estamos falando de poupança, a taxa de 9% é o teto para essa modalidade. Então, caso a Selic comece a baixar, as parcelas do financiamento também baixarão.

Eu fiz uma simulação de quanto pode ficar um financiamento com essa taxa nesse link aqui: quanto fica um financiamento imobiliário com a taxa poupança?

Curtiu esse conteúdo? Então receba mais notícias como essa diretamente no seu e-mail! Assine a nossa Newsletter!

Escolha o Seguro Habitacional que cabe no seu bolso e ainda oferece serviços excelentes que cuidam da sua casa e oferece uma garantia maior ao financiamento imobiliário
Quero realizar meu sonho
Aluguel sem complicações? Conheça o Seguro Fiança Locatícia, que cuida do seu imóvel e possui serviços tanto para o proprietário quanto para o inquilino.